Eternizando em palavras a fugacidade do coração.

Hoje de manhã enquanto vinha trabalhar, encontrei uma amiga na ida até o metrô, ela me disse que gostaria de fazer um blog, logo pensei: eu deveria ter um tbm, afinal..faço faculdade de jornalismo.

E um jornalista hoje em dia tem que ter um blog neh? mas tenho preguiça, e se não tenho, logo já me esqueci de tudo que eu tinha para falar.

E agora mesmo, lendo o http://maismagenta.wordpress.com/ dei de cara com dois textos que me fizeram pensar demais em tudo que tem acontecido:
SOLIDÃO: UM LUGAR PRA CHAMAR DE SEU. e QUANDO SEU PRÍNCIPE VIRA UM SAPO.

Eu aprendi que convivo muito bem com a solidão, sempre convivi…

Desde criança, sempre tive minhas ilusões, sempre precisei de momentos sozinhas, em que eu simplesmente precisava parar, olhar o céu ou o mar, e pensar em tudo á minha volta.

E hoje em dia nada mudou, ainda tenho meus momentos, depois de trabalhar o dia inteiro, ir para a faculdade, é tão reconfortante olhar pela janela, e ver a cidade acesa. Pela janela da área de serviço mesmo, onde tenho uma melhor visão da cidade do caos.

Mas ás vezes, o caos pode estar dentro da gente mesmo, quando percebemos que estamos saturados de nosso emprego, das pessoas á nossa volta, e com a gente mesmo… que mesmo levando porrada, não aprende certas lições.

Eu queria acreditar em tanta coisa, mas hoje…somente hoje não consigo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s